Sexta-feira 27 de Novembro, 2020
pesquisa
# # # # # # # # # #
#
Newsletter
Newsletter
Subscreva a nossa newsletter e receba todas as novidades no seu e-mail.
Área reservada |
Destaques
Cães para adoção no Canil Intermunicipal
Se procura um animal para adopção consulte a nossa Bolsa de Adopção on-line.
Concurso Escolar
Dirigido às turmas do 1º, 2º e 3º ciclos e do ensino secundário e profissional do Alto Minho. Veja como participar.
Notícias
Decorreu no dia 20 de novembro, o webinar final do projeto “Acontece in Loco - Montanhas do Alto Minho - Montanhas Vivas, Comunidades Resilientes”, que teve como objetivo a apresentação dos resultados da implementação deste projeto, orientados, essencialmente, para as seguintes temáticas: agro-silvo-pastorícia, floresta e biodiversidade; turismo e desenvolvimento sustentável da montanha; viver e trabalhar na montanha e governança territorial e comunidades de montanha.
A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) lançou, no dia 23 de outubro, um concurso público para a seleção de cocontratantes com vista à celebração do acordo quadro para fornecimento de dispositivos médicos, equipamentos de proteção individual e material de higienização.
Na sequência da Resolução do Conselho de Ministros n.º 92-A/2020, os Municípios do Alto Minho no decorrer da reunião do Conselho Intermunicipal da CIM Alto Minho, realizada hoje, dia 3 de novembro, decidiram autorizar a realização de feiras e mercados de levante que cumpram as condições de segurança e as orientações definidas pela Direção Geral de Saúde (DGS).
A CIM Alto Minho apresentou no dia 27 de outubro, em conferência de imprensa realizada em formato online, a 4ª edição do Concurso Escolar “Alto Minho School4All”, que irá decorrer durante o presente ano letivo sob a temática "Alto Minho 2030 - Que futuro?", para os cerca de 22 mil alunos do 1º, 2º e 3º ciclos, do ensino secundário e das escolas profissionais dos concelhos de Arcos de Valdevez, Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte do Lima, Valença, Viana do Castelo e Vila Nova de Cerveira.
Tendo em consideração as restrições associadas ao atual contexto pandémico, o Consórcio Minho IN, constituído pelas Comunidades Intermunicipais do Alto Minho, do Ave e do Cávado, decidiu, por unanimidade, alargar o prazo de submissão de candidaturas para o final do ano de 2020.
O Alto Minho integra, pela terceira vez, a lista dos 100 melhores destinos sustentáveis do mundo no âmbito da iniciativa “Top 100 Sustainable Destinations 2020”. O anúncio oficial foi feito hoje, dia 06 de outubro, na Conferência Global Green Destinations Days, a decorrer este ano online devido ao contexto pandémico.
A CIM Alto Minho reuniu-se com um conjunto de stakeholders locais para dar o pontapé de saída à definição de um plano de ação integrado em matéria de energia e clima para o Alto Minho.
A CIM Alto Minho acaba de lançar um portal de pesquisa das coleções e fundos documentais de toda a Rede Intermunicipal de Bibliotecas Públicas Municipais do Alto Minho (RIBAM). O portal, já disponível em http://bibliotecas.altominho.pt/, é suportado por um sistema inovador que permite a agregação de conteúdos de diferentes fontes de informação e a pesquisa a partir de um único ponto de acesso.
A CIM Alto Minho é um dos parceiros do projeto europeu “Urb-en Pact - Together Towards net zero energy cities”, no âmbito do Programa Europeu URBACT III, lançado pela Comissão Europeia no contexto do ciclo 2014-2020, que tem como objetivo principal contribuir para que os territórios aderentes possam evoluir progressivamente no sentido de terem um balanço nulo de energia (net zero energy cities) até 2050.
O Alto Minho foi galardoado com a Carta Europeia de Turismo Sustentável (CETS), pela Federação EUROPARC, em 2015, estando, atualmente, em processo de avaliação da implementação da CETS, bem como de renovação do galardão. Neste sentido, na passada sexta-feira dia 6 de março, a Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), no âmbito da avaliação da CETS do Alto Minho promoveu duas reuniões de trabalho, com a equipa técnica do projeto (ETP) e com o fórum permanente de turismo sustentável (FPTS), que congrega todas as entidades e agentes locais interessados (públicos e privados) no processo de elaboração da CETS.
Os nossos sites