Domingo 20 de Janeiro, 2019
pesquisa
# # # # # # # # # #
#
Destaques
Para jovens entre os 16 e os 35 anos. Até 31 de janeiro de 2019.
Um Alto Minho mais conetado. Apresentações dos oradores disponíveis.
Veja aqui.
Newsletter
Newsletter
Subscreva a nossa newsletter e receba todas as novidades no seu e-mail.
Área reservada |
Notícias



“Viagem no Tempo” no Alto Minho prossegue a 12 de janeiro em Paredes de Coura com a Rota da Arquitetura Tradicional



A Viagem no Tempo pelo Alto Minho recomeça em 2019, em Paredes de Coura. Uma viagem pela arquitetura tradicional, que se estende do século XVIII até aos nossos dias, e que será apresentada no próximo dia 12 de janeiro, numa iniciativa promovida pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), em parceria com a Câmara Municipal de Paredes de Coura.

A arquitetura tradicional presente na região do Alto Minho e, especificamente, no concelho de Paredes de Coura, será o ponto de partida da conferência “Da arquitetura tradicional”, organizada com o apoio do Centro Cultural do Alto Minho, que terá lugar na Casa do Conhecimento de Paredes de Coura, a partir das 11 horas de sábado, dia 12 de janeiro. A abordagem estará a cargo dos estudiosos Álvaro Domingues, Fernando Barros, Paulo Guerreiro e António Menéres. A participação na conferência é gratuita.

No período da tarde, será efetuada uma visita guiada encenada, com partida às 15h00 da Câmara Municipal, para se perceber no terreno como se relacionam hoje as comunidades com o legado tradicional, como é feita a organização do espaço e da casa e como fazemos da casa o grande espaço de afirmação social. A visita performativa é conduzida pela parceria Teatro do Noroeste – CDV e Comédias do Minho, em co-programação com a Talkie-Walkie e a Ondamarela, e conta com a participação da comunidade local.

Ainda durante o dia 12 e integrando também o programa, dezenas de sketchers percorrerão a vila de Paredes de Coura para o registo de pormenores do património daquele concelho, no âmbito da ação “Sketching com História”, que conta com o apoio da Associação Urban Sketchers Portugal (UskP).

“Alto Minho 4D – Viagem no Tempo” um projeto cultural e turístico
Recorde-se que esta será a nona e penúltima Porta do Tempo a abrir-se no âmbito do projeto “Alto Minho 4D - Viagem no Tempo”, aproximando-se do fim da viagem, que se iniciou em Caminha, em março passado, e já passou por Monção, Ponte de Lima, Ponte da Barca, Valença, Melgaço, Viana do Castelo e Arcos de Valdevez. Após a apresentação a 12 de janeiro da “Rota da Arquitetura Tradicional”, ficará a faltar a “Rota do Contemporâneo ao Futuro”, que terá lugar em Vila Nova de Cerveira, no dia 9 de fevereiro.

De referir que este projeto foi aprovado pelo Programa Operacional Regional do Norte – Norte 2020, no domínio do “Património Cultural”, e pretende criar uma rede de 10 rotas/itinerários cronológicos culturais. baseados na história e no património do Alto Minho. Com esta iniciativa intermunicipal, cada um dos concelhos do Alto Minho encabeçará uma rota, que funcionará como o “portal” de acesso a uma “estação do tempo”, que irá dispor de uma série de valências e no qual se apresentará uma sequência de recursos patrimoniais alusivos a essa rota e a serem visitados não só nesse concelho, mas em todo o território, promovendo-se, assim, um circuito cultural pelo Alto Minho e, consequentemente, a mobilidade turística na região.


Os nossos sites